Roberta Toquetão e Vanessa Basqueroto - A atuação da Fisioterapia Pélvica


#ParaTodoMundoVer: Foto de Roberta Toquetão e Vanessa Basqueroto


Roberta Aparecida Grosso Toquetão

Dra. Roberta Toquetão, fisioterapeuta graduada pela UNIP em 2001, pós-graduada em Terapia Manual e técnicas osteopáticas pela FAEFIJA. Pós-graduanda em Fisioterapia Pélvica - Uroginecologia Funcional pela Faculdade Inspirar - PR, curso internacional Brasil-França sobre Uroginecologia, Sexologia e Criança, Formação em Ginástica Hipopressiva e Obstetrícia, Pilates Internacional, RPG (Reeducação postural global) Cinesioterapia Pélvica Integrada e cursos de atualização nas áreas de Uroginecologia, Obstetrícia e Sexualidade.

Vanessa Penha Basqueroto

Dra. Vanessa Basqueroto, é fisioterapeuta graduada pelo UniSalesiano de Araçatuba-SP em 2008, com pós-graduação em Fisioterapia em saúde da mulher pela Faculdade de Medicida de Rio Preto FAMERP-RP e Fisioterapia pélvica – Uroginecologia Funcional pela Faculdade Inspirar – SP. Formação em Osteopatia Estrutural pelo Instituto Docusse IDOT em Presidente Prudente – SP e Pilates pela Metacorpus-SP. Cursos de extensão nas áreas de Pilates, Uroginecologia, Obstetrícia e Sexualidade.


Seção de entrevista – Bate-papo na REAB!

1) Como funciona a fisioterapia pélvica?

A fisioterapia pélvica trabalha com a prevenção e tratamento das disfunções pélvicas, em homens, mulheres e crianças, que afetam o assoalho pélvico, conjunto de 15 músculos que envolvem as estruturas da pelve, responsáveis por sustentar os órgãos pélvicos ( útero, bexiga, reto, próstata), assim como conter a urina, fezes, gazes e ter papel importante na função sexual, gestação e pós-parto.


2) Qual a indicação da fisioterapia pélvica?

Na mulher: perda de urina, fezes e gazes, queda dos órgãos pélvicos, intestino preso, disfunções sexuais, gestação e pós-parto. No homem: perda de urina e disfunções sexuais. Na criança: perda de urina durante o sono, retenção de urina, bexiga e intestino neurogênicos, constipação intestinal.


3) O que é bexiga e intestino neurogênicos?

Então sobre a bexiga e intestino neurogênicos: é uma condição que afeta o processo fisiológico da bexiga e intestino na sua função de armazenamento e eliminação, tanto de urina quanto de fezes.

Nos casos dos pacientes neurológicos, principalmente aqueles que afetaram os nervos responsáveis pela bexiga e intestino, essa condição pode aparecer pela dificuldade de armazenar ou eliminar urina e fezes.


4) Quais os benefícios da fisioterapia pélvica nos pacientes com bexiga e intestinos neurogênicos?

Com o tratamento de fisioterapia pélvica ocorre a melhora da função vesical, uretral, intestinal e pélvica, ajudando a prevenir infecções urinárias, retenção e perdas urinárias, constipação intestinal, impactação fecal e prolapsos anorretais.


Na REAB: Dra. Roberta Toquetão e Dra. Vanessa Basqueroto são responsáveis pela palestra "A atuação da Fisioterapia Pélvica na bexiga e intestino neurogênico".

#UmMundodePossibilidades

0 visualização

reabbauru@gmail.com © 2019 por LM&Co. 

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Ícone